Perguntas frequentes

1- Ao queimar biomassa, não estou queimando árvores?

 

Resposta: A maioria das atividades agrícolas e florestais gera resíduos, e estes, quando não aproveitados, geram gases de efeito estufa durante seu processo de decomposição. Dessa maneira, a utilização de tais resíduos como combustível é extremamente recomendável, pois além de se evitar sua decomposição, evita-se também a utilização do uso do combustível fóssil, tendo assim um duplo ganho ambiental.

 

2- Toda a biomassa usada para gerar energia é um resíduo?

 

Resposta: Não. Existe uma tendência mundial para o plantio de variedades agrícolas que tem como finalidade a geração de energia. As chamadas Energy Crops ou Culturas Energéticas, devem se desenvolver ao longo dos próximos anos ajudando a diminuir a dependência em combustíveis fósseis.

 

3- Uma caldeira a óleo ou gás natural pode ser convertida para utilizar biomassa?

 

Resposta: Tecnicamente sim, mas esta conversão não é recomendável. O equipamento adaptado não possui a mesma eficiência do equipamento feito para aquela finalidade, desta maneira ocorre muito desperdício de energia. A ComBio não se utiliza nem recomenda a adaptação de equipamentos.

 

4- Minha empresa já possui caldeiras a biomassa. Existe alguma oportunidade de negócio com a ComBio?

 

Resposta: Sim. A ComBio possui uma atividade que consiste em adquirir a caldeira de biomassa do cliente assumindo sua gestão (inclusive a da biomassa) e fornecendo o vapor ao cliente.

Esta modalidade permite que o cliente “gere caixa” e ainda deixe de se preocupar com a atividade de geração de vapor.

Na maioria dos casos, além dos ganhos acima, nota-se uma melhoria na qualidade do vapor e na disponibilidade dos equipamentos, ocasionada pela dedicação obsessiva que temos na excelência operacional e na manutenção preventiva eficiente.

 

5- Qual o território de atuação da ComBio?

 

Resposta: A ComBio atua nacionalmente e em breve pretende expandir sua atuação para outros países da América Latina.

 

6- Quantos anos de contrato são exigidos?

 

Resposta: Nossos contratos normalmente têm de 10 a 15 anos de duração, mas este prazo pode ser adaptado às necessidades do cliente.

 

7- A qualidade do vapor feito com Biomassa é diferente do vapor feito com combustíveis fósseis?

 

Resposta: Não. Ambos combustíveis produzem o mesmo vapor com as mesmas características.

 

8- Todas as emissões gasosas da biomassa são melhores do que as dos combustíveis fósseis?

 

Resposta: Não. A biomassa emite uma quantidade de MP – Material Particulado – superior a que é emitida pelos fósseis. Porém, existem equipamentos no mercado (tais como os utilizados pela ComBio) que são capazes de captar tal material, evitando sua emissão à atmosfera. Já com relação aos demais gases controlados pelos organismos ambientais – NOx, SOx e CO² –  a biomassa é bastante vantajosa frente aos seus concorrentes fósseis.

 

9- Qual o consumo mínimo de vapor que viabiliza a atuação da ComBio?

 

Resposta: Os projetos da ComBio passam a ser efetivamente competitivos em empresas cujo consumo médio efetivo de vapor é superior a 12 toneladas/hora.

 

10- O que significa a ComBio ser uma empresa B Certifica?

 

Resposta: ComBio faz parte de uma comunidade de +900 empresas em 32 países e de 60 áreas diferentes com 1 objetivo em comum: redefinir o conceito de sucesso nos negócios. O processo de certificação consiste em adequar-se a rigorosos padrões sociais, ambientais, performance, responsabilidade e transparência. Assumimos um compromisso de melhoria contínua para sermos a melhor empresa para o mundo (e não apenas do mundo). Saiba aqui!